"

Teresina - PI
abril 19, 2024 12:30

Siga-nos

Teresina - PI
abril 19, 2024 12:30

Estudante de Jornalismo morre em hospital após festa na UFPI; 1 homem detido

Viatura da Polícia Civil do Piauí
Viatura da Polícia Civil do Piauí

A discente do curso de Jornalismo da Universidade Federal do Piauí (UFPI), Janaína Bezerra da Silva, de 22 anos, foi encontrada desmaiada dentro do Campus Universitário Ministro Petrônio Portela, localizado no bairro Ininga, zona Leste de Teresina, por volta das 11h20 deste sábado (28.01.23). Ela chegou a ser socorrida e encaminhada ao Hospital do bairro Primavera, onde foi constatado o óbito. Ela estava no quinto período da graduação e morava no Parque Brasil, zona Norte da capital.

Janaína Bezerra da Silva

A equipe jornalística do Portal RP50 apurou que a mulher esteve em uma festa na universidade, conhecida entre os universitários como “calourada”. Janaína foi encontrada por um agente de segurança do campus, que a levou até o hospital. Ela estava na companhia de um mestrando em Matemática, identificado pelas iniciais T.M.. Após a confirmação da morte no hospital, ele foi conduzido por guarnições do 9º Batalhão de Polícia Militar para a Central de Flagrantes, onde será ouvido pelo delegado de plantão.

De acordo com o pai da vítima, a jovem teria saído de casa para a festa por volta das 23h de ontem (27), com uma amiga. Ele disse não conhecer o homem detido. Até o momento a causa da morte de Janaína é desconhecida. “Esperei ela chegar em casa, ela sempre chegava, o horário do estudo dela era 16h e chegava por volta das 22h, mas ontem saiu às 23h”, disse o pai.

Ainda segundo o pai, em entrevista ao Portal RP50, a filha foi encontrada com a mesma roupa que saiu de casa ontem, porém as vestes estão cortadas. “A colega é vizinha da minha filha, ela disse que ela tinha saído com um rapaz e ela veio embora. A roupa [que ela foi encontrada] é a mesma, só que tá toda cortada e o rosto tá cheio de hematomas, aqui na garganta como se ela tivesse brigando, lutando”, falou.

A partir de agora o caso passa a ser investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Polícia Civil do Piauí. Não foi possível conversar com o homem detido e colher sua versão dos fatos. Os removedores do Instituto Médico Legal (IML) foram recolher o corpo, que será periciado e o laudo deve apontar a causa da morte.

VEJA A ENTREVISTA ABAIXO:

Em nota divulgada no perfil do Instagram da UFPI, a Universidade informou que “desaprova quaisquer eventos que adotem condutas que coloquem em risco a comunidade acadêmica”.

CONFIRA A NOTA NA INTEGRA ABAIXO:

Com imenso pesar, a Universidade Federal do Piauí (UFPI) comunica e lamenta profundamente que, na manhã de hoje (28), a Coordenadoria de Segurança e Vigilância da Instituição encontrou, nas imediações do espaço da sede do Diretório Central dos Estudantes (DCE), no Campus de Teresina, uma jovem desacordada, que foi urgentemente levada, por equipe de seguranças da Universidade, para o Hospital da Primavera.

Até o momento da elaboração desta nota, não há identificação formal da vítima e divulgação de laudo pericial pelo órgão responsável. Todas as providências para colaborar com as investigações das autoridades policiais, como isolamento da referida área no campus e boletim de ocorrência, foram adotadas imediatamente pela UFPI. Além disso, a Universidade está efetuando o levantamento de todas as imagens captadas por câmeras de segurança.

O fato aconteceu em festa promovida pelo DCE, nas instalações do próprio Diretório, sediado no prédio do Centro de Ciências da Natureza (CCN), sem autorização de qualquer autoridade da Universidade.

A UFPI desaprova quaisquer eventos que adotem condutas que coloquem em risco a comunidade acadêmica, e preza pela segurança e bem estar de estudantes, professores e servidores técnico-administrativos, com a adoção de diversas estratégias constantemente divulgadas à comunidade.

As primeiras informações apontam para a ligação do fato a um suspeito já detido pelas autoridades policiais, após condução do mesmo por seguranças da UFPI. A Administração Superior continuará acompanhando as informações oficiais sobre o fato e se une à sociedade no desejo por justiça.

Na manhã deste sábado (28), o Reitor da UFPI determinou a imediata instauração de processo administrativo para apuração dos fatos, bem como a responsabilização dos envolvidos e disponibilizará todo o apoio que possa auxiliar no trabalho das autoridades policiais.

Este é um momento de grande dor e tristeza, que deixa consternada toda a comunidade ufpiana. A UFPI se solidariza com familiares e amigos da vítima, e se coloca à disposição para apoio e providências. Manifesta as mais sinceras condolências diante do triste acontecimento.

Por Valciãn Calixto, com informações de Joselito Andrade

Grupo Vip

Apoie a equipe RP50 de Jornalismo e ajude este site independente a se manter no ar divulgando a Notícia com Segurança e em 1º mão. Você ajuda com apenas R$ 15 mensal. Assim, você será adicionado em um grupo VIP no WhatsApp com a equipe de jornalistas do portal e receberá informações, fotos e vídeos antes de todo mundo, além de conteúdo que nem sempre é publicado nas redes sociais ou no portal. Mande agora mesmo uma mensagem para 86 9 9556-5907 e participe. Você ainda vai poder acompanhar os bastidores das reportagens e interagir com pessoas de todo o Piauí.

Portal RP50

Portal RP50

Roubados e Perdidos

[wpdreams_ajaxsearchlite]