"

Teresina - PI
fevereiro 29, 2024 00:46

Siga-nos

Teresina - PI
fevereiro 29, 2024 00:46

Websérie resgata história das tradições juninas do Piauí; assista

As festividades juninas fazem parte das tradições tanto do Piauí, como do nordeste inteiro. A expectativa para o mês de junho é sempre alta e após dois anos sem grandes eventos, o São João renasce em 2022 com a volta dos festivais de quadrilhas, os arraiás e comidas típicas desse período.

 A tradição das quadrilhas juninas pode ter surgido a partir dos bailes de máscaras franceses, que aconteciam em grandes salões e chegou ao Brasil durante o processo de colonização. Porém, há quem diga que essa cultura nasceu no próprio nordeste. “A quadrilha junina surgiu como uma festa de casamento, onde as pessoas do interior se vestiam com seus trajes mais elegantes para o evento e, na atualidade, podemos dizer que esse casamento ganhou uma nova roupagem, com grandes produções e circulação em todo o nordeste” afirma Ramon Patrese, diretor da quadrilha Luar do São João, grupo cultural que recebe o apoio da Equatorial Piauí há 2 anos.

Hoje as quadrilhas viraram uma competição com um ciclo de produção que dura o ano inteiro. Para produzir esses grandes espetáculos, os grupos se organizam e trabalham arrecadando fundos para garantir os cenários, figurinos, repertório musical e, claro, a coreografia para concorrerem em festivais regionais e nacionais durante o período junino. Esse apoio financeiro e de logística, pode chegar das mais diversas formas, como pela doação dos próprios brincantes e de familiares, amigos e até o patrocínio de grandes empresas.

Em 2022, o período junino conta com o apoio da Equatorial Piauí, que por meio do Sistema Estadual de Incentivo à Cultura (SIEC), patrocina projetos da Luar do São João e da Federação Piauiense de Quadrilhas. Além, disso, a empresa vai apoiar o Cidade Junina, tradicional evento de Teresina que, este ano, acontece de 09 a 16 de julho. “O grupo Equatorial se preocupa em valorizar a cultura e tradições de cada Estado em que atua e, no Piauí, não poderia ser diferente. Por meio da nossa plataforma E+ Cultura, vamos patrocinar esse ano 60 projetos culturais e os do São João não poderiam ficar de fora”, destaca do gerente de relacionamento, Joaquim Milhomem.

O diretor da quadrilha Luar do São João, Ramon Patrese, ressalta a importância do investimento e da gestão próxima da Distribuidora para a produção de cultura e até fomento da economia no estado. “Esse apoio é importantíssimo, já que esse recurso volta para a própria sociedade, como os costureiros que fazem os figurinos, marceneiros e metalúrgicos que produzem cenários e até os motoristas que transportam toda essa estrutura e equipe. Eu vejo isso como um investimento porque além de estar gerando emprego e renda, estamos mantendo a nossa identidade cultural” finaliza o diretor.

Para celebrar a data e o marco da retomada do São João no estado, a Equatorial Piauí, em uma produção da Agência Phocus Publicidade, lançou a websérie Energias da Nossa Cultura. Em episódios nas redes sociais da Distribuidora, cheios de emoção, alegria e descobertas, são contados os detalhes dos bastidores do São João e as histórias de energia de quem faz o movimento permanecer forte e vivo.

“A websérie é uma demonstração do olhar atento da Equatorial Piauí à cultura do estado, uma homenagem a todos que mantêm viva a energia do São João. É um mergulho em nossas tradições, que revela a certeza de que o futuro é melhor com a energia da nossa cultura”, ressaltou Joaquim Milhomem.

200 anos do Piauí, 200 projetos patrocinados

Desde quando o E+ Cultura – programa do Grupo Equatorial Energia – chegou ao Piauí em 2020, artistas e produtores culturais do estado puderam desenvolver projetos voltados para fortalecer e manter as tradições locais, além de fomentar as artes em municípios do norte ao sul piauiense. Este ano, quando o Piauí comemora 200 anos de adesão à Independência do Brasil, a distribuidora alcança o número de 200 projetos patrocinados por meio do Sistema de Incentivo Estadual à Cultura (SIEC).

Portal RP50

Portal RP50

Roubados e Perdidos

[wpdreams_ajaxsearchlite]