"

Teresina - PI
abril 15, 2024 19:33

Siga-nos

Teresina - PI
abril 15, 2024 19:33

Veja quantos votos cada pré-candidato a prefeito teve como deputado em Teresina

Pré-candidatos a prefeitura de Teresina em 2024
Pré-candidatos a prefeitura de Teresina em 2024

A corrida rumo ao Palácio da Cidade em 24 está rolando de maneira inegável e até “escancarada”. Ensaios e encontros com lideranças por regiões de Teresina, visita a espaços públicos como mercados e articulações internas visando composição de chapas proporcionais dão a tônica da coisa.

Separamos alguns nomes insuflados pela Imprensa, ventilados nos bastidores, auto afirmados e aqueles plantados. Ei-los: Franzé Silva, Marcos Sampaio, Enzo Samuel, Fábio Novo, Dr. Vinícius, Bárbara do Firmino e Jeová Alencar. O prefeito não entra por motivos óbvios. Aqui não tem leigo no assunto.

Resgatamos também a votação que, tirando o Enzo, claro, cada um dos deputados acima obteve só em Teresina.

Segundo o site do Tribunal Superior Eleitoral, vulgo “TSE”, Teresina registrou 498.721 votos no pleito de 2022, onde você saiu de casa para escolher Presidente, Vice, Senador, deputados estaduais e federais.

Destes, 452.675 somam os votos válidos;
22.324 (4,48%) somam os votos nulos;
23.476 (4,70%) somam os votos em branco;

Os números a seguir talvez não digam nada, não reflitam nada, talvez demonstrem muito. É com vocês!

Jeová Alencar

Vamos começar com o “Vavá”, cria do “Teté”, que deu um balão no “Fifi” e no próprio Teté depois. Mostrando alguma habilidade, Jeová Alencar joga tanto no time de oposição aos dois Palácios, o do Karnak e o da Cidade. Ele apoiou Joel Rodrigues para o senado, que era da chapa de Silvio Mendes, adversário de Dr. Pessoa, de quem Jeová é atual secretário e partidário. Pense num balaio. Fato é que ele tanto pode ser candidato do prefeito, numa eventual desistência, como ser ou apoiar candidatura da segunda via, pois à terceira ele, de fato, faz oposição.

Em 22, o parlamentar saiu de vereador e presidente da Câmara Municipal para deputado estadual. Sagrou sua candidatura especialmente com a votação da capital, onde possui grande influência, em especial na zona Sul de Teresina.

Do total de 44.095, Alencar tirou 28.786 votos somente em Teresina, os restantes 15.309 foram em cidades satélites.

Bárbara do Firmino

Bárbara, (a cara) do Firmino e como filha de alguém que foi prefeito 4 vezes de Teresina, seus pares creem nela como alguém com potencial para disputar um pleito majoritário na maior cidade do Estado.

A briga feia mesmo é, caso o projeto avance, é se ela sai candidata pelo atual partido, o Progressistas, ou pela grife tucana de seu pai, o PSDB, que está desidratado, sem deputados, prefeitos, apenas alguns vereadores como o Edson Melo já caindo os dentes de tanto mandato que disputou pra vereador, decano da CMT.

E vejamos, num é nada, num é nada, de seus 35.276 votos, 21.183 foram de Teresina, quase o total de nulos. Os 14.093 restantes se esgueiram pelo interior.

Marcos Aurélio Sampaio

Marcos Aurélio Sampaio, deputado federal pelo PSD, filho do vice-governador Themistocles Sampaio, cacique do MDB, articuladíssimo o pai, fiel das pesquisas eleitorais, sabe onde pisa.

Já o filho em seu segundo mandato, fez um primeiro bastante tímido, distante da mídia local e nacional, agora tenta correr atrás do prejuízo.

Entretanto, dessa lista foi o terceiro com maior votação na capital, foram 18.033 votos de um total de quase 80 mil. Nas últimas semanas tem se posicionado duramente contra a atual gestão da prefeitura, com presença em logradouros públicos, postagens nas redes sociais e entrevistas na imprensa.

Dr. Vinícius

Já pensou uma briga de doutores? Dr. Vinícius X Dr. Pessoa. Aí pra ficar bom, só mais um doutor no meio dessa história mediando um debate televisionado. O Doutorzin Efrem Ribeiro. Nego viaja…kk

Mas vamos lá, tido como alguém que o governador Rafael Fonteles queria muito que se viabilizasse, Dr. Vinícius parece estar patinando até o momento. Numa rápida olhada em seu perfil no Instagram não há qualquer postagem sobre as dificuldades ou soluções que Teresina enfrenta e/ou carece. Nada sobre Transporte Público, Saneamento aka Alagamentos, sobre a ingerência na Saúde municipal, pelo contrário, o deputado parece estar determinado em seguir colando sua imagem à do chefe do Executivo, só e somente.

Ele tirou 11.977 votos na capital.

Fábio Novo

Fábio Novo, com seus 11.526 em Teresina, vem de uma experiência notável por onde passa. Atual líder do governo na Alepi, foi presidente estadual do PT, conseguiu reunir o PT em torno de seu nome para o pleito de 2020, possui trabalho reconhecido enquanto ex-gestor da Secretaria de Estado da Cultura e aí, pra não ficar parecendo que esse card é BU, resta dizer: reage, Fábio, que o Franzé tá vindo aí com sede pra ser o candidato do PT e federação.

Franzé Silva

De todos os deputados citados aqui, Franzé é o que teve menor votação em Teresina, apenas 5.788 votos de 33.090 total. Talvez que por isso mesmo ele esteja numa corrida espartana, tal e qual Rei Leónidas, para montar e liderar seu exército de 300 soldados, ou seja, uma chapa proporcional robusta com 300 candidatos a vereador espalhados em diversas trincheiras, aqui denominadas agremiações, num arremedo de Firmino Filho, quem sabe até em parceria com o próprio partido do ex-prefeito. (E é impressionante como mesmo não estando mais entre nós, ele continua no meio de nós).

O ruim de montar um exército logo agora com esse tanto de gente debaixo do guarda-chuva é saber dividir entre todos eles emendas, indicações com as próprias lideranças que elegeram Franzé deputado e com os próprios deputados que elegeram Franzé presidente. Mas Franzé tem um trunfo, a Alepi. Resta saber se vai ter fôlego de manter todo mundo junto até o próximo ano.

Enzo Samuel

Nem é muito justo colocar o Enzo aqui porque a eleição que ele disputou foi outra totalmente diferente, mas vamos botar assim mesmo, tamo fazendo nada, né. Só pra fechar bacana.

Com trânsito pelo movimento comunitário e de igreja na zona Norte, depois pelo movimento estudantil, Enzo se elegeu vereador a primeira vez em 2016, ainda pelo PC do B, com 2.594 votos. Número que subiu para 4.342 em 2020, já no PDT.

Sendo atual presidente da Câmara Municipal de Teresina, Enzo tem focado em aproximar sua gestão dos teresinenses. Ele melhorou a relação da Casa Legislativa com a Imprensa, atualizou o portal, trouxe para as redes sociais as ações e sessões da CMT, além de engajar mais seu próprio perfil pessoal e tem sido cortejado por partidos como PSD e MDB, caso assuma publicamente sua intenção de disputar a prefeitura de Teresina, o que não fez, mas é visível sua movimentação nesse sentido, o que demonstra ‘credibilidade’ entre os diversos grupos políticos do jogo, vez que até de Dr Pessoa, Enzo já foi líder na Câmara.

Politizado

Politizado

Política para que todos entendam, gostem e participem.

Roubados e Perdidos

[wpdreams_ajaxsearchlite]