"

Teresina - PI
junho 25, 2024 19:25

Siga-nos

Teresina - PI
junho 25, 2024 19:25

Golpe das Novinhas: saiba como funciona e como evitar

Imagem: Reprodução/Internet

Um novo golpe tem sido aplicado nas redes sociais e tem como principal alvo os homens. O Portal RP50 conversou com o delegado Odilo Sena da Polícia Civil, titular do 13° Distrito Policial, que explicou como esse golpe acontece e como se deve evitar esse tipo de situação.

O chamado golpe das novinhas começa com uma conversa inocente e sem indícios de crime, mas termina em extorsão e ameaças. E quando a vítima descobre que foi enganada muitas vezes não procura a polícia por se sentir envergonhada. No Piauí, diversos casos já chegaram ao conhecimento da polícia.

Como funciona:

De acordo com o delegado, “o golpe tem como alvo principal os homens, mas também os homossexuais e raramente mulheres. Começa com uma conversa nas redes sociais, uma conversa aparentemente sem problemas. A conversa evolui e começa a se tornar picante.” Após os criminosos “laçarem” a vítima começam as revelações. Os golpistas começam a mandar mensagem dizendo, “olha eu sou menor de 14 anos e muitas vezes a pessoa já está envolvida e não se apercebe, há troca e fotos, de nudes, enfim.”

O golpe acontece por etapas. Com o passar dos dias uma outra pessoa liga afirmando ser da polícia, se passando ser um policial, um inspetor ou um próprio delegado de polícia dizendo que tem um mandado de prisão, “olha, estou com um mandado de prisão, você entrou em contato com uma criança e você vai ser preso, vai ser processado e um suposto pai entrar em contato mandando vídeos, dizendo que a família foi destruída“, destaca o delegado. E algum tempo depois os chantagistas voltam a contatar a vítima pedindo uma determinada quantia para supostamente não chamarem a polícia. Com a cilada armada a vítima manda o dinheiro, o que abre brecha para novas chantagens.

Apesar dos altos valores cobrados, as vítimas acabam transferindo dinheiro para os criminosos por sentirem vergonha de procurar a polícia. “Aqui no Piauí, um senhor chegou a pagar quase 30 mil reais. Por conta da vergonha muitos não nos procuram“, afirmou o titular do 13º BPM.

Como evitar:

O delegado ainda destacou a importância de os usuários de redes sociais independente de seres homens ou mulheres evitem conversar com pessoas desconhecidas. “É importante que as pessoas não conversem com quem não se conhece, principalmente com quem aparece com conversa sem sentido, não existe nada de graça”, destacou o delegado.

De acordo com o delegado, as pessoas precisam estar mais atentas. “Nada vem de graça. É preciso duvidar, ter cautela. Rede social não é brincadeira, internet não é brincadeira”, enfatizou o delegado. Caso alguém seja vítima de tal crime, a vítima deve procurar a polícia e relatar a situação. Para que os policiais averiguem a veracidade dos fatos.

A polícia tem trabalhado para coibir esse tipo de crime virtual sem expor a vítima. “A gente não expõe por conta da situação que é constrangedora, a gente expõe a situação sem nomear os envolvidos”, frisou o delegado.

Por Débora Machado, com informações de Joselito Andrade

Grupo Vip

Apoie a equipe RP50 de Jornalismo e ajude este site independente a se manter no ar divulgando a Notícia com Segurança e em 1º mão. Você ajuda com apenas R$ 15 mensal. Assim, você será adicionado em um grupo VIP no WhatsApp com a equipe de jornalistas do portal e receberá informações, fotos e vídeos antes de todo mundo, além de conteúdo que nem sempre é publicado nas redes sociais ou no portal. Mande agora mesmo uma mensagem para 86 9 9556-5907 e participe. Você ainda vai poder acompanhar os bastidores das reportagens e interagir com pessoas de todo o Piauí.

Picture of Portal RP50

Portal RP50

Roubados e Perdidos

[wpdreams_ajaxsearchlite]